Siga-nos
  • Facebook
  • G+
  • Twitter
  • Orkut

Mulheres Avançam na Engenharia

Postado Por: Nelson Lima em 8 de março de 2019.


Mulheres Avançam na Engenharia e nas Construções em Maringá 

O progresso feminino na Engenharia paranaense se reflete em números. Eram 7.768 profissionais em 2010 e neste ano, são 11.647 – crescimento de quase 50%. Na região Noroeste, em cinco anos, o aumento foi de quase 45%. Em Maringá, são 629 profissionais registradas no Conselho de Engenharia e Agronomia do Paraná (Crea-PR) e muitas são Engenheiras Civis, que escrevem suas histórias nas obras maringaenses. Exemplo disso são as construções do Novo Centro e do Contorno Norte. Entre as obras recentes estão a revitalização do Shopping Cidade, a nova sede do Sicredi e a construção de um edifício de 25 andares na zona 7, que será entregue em maio.

Foi na gestão do prefeito Said Ferreira, na década de 1985, que surgiu a necessidade de mudar o Novo Centro de Maringá. No entanto, o projeto Ágora do arquiteto Oscar Niemeyer não prosperou. Quase seis anos depois, a prefeitura iniciou a obra mais demorada e importante do processo de ocupação urbana da cidade. E em 10 anos, o quadrilátero da área central (com 216 mil metros quadrados) se transformou.

Foram erguidos mais de 40 edifícios comerciais e residenciais no Novo Centro e muitas obras foram executadas pela Engenheira Civil Siomara Lima Provensi. “Eu acompanhei pelo menos dez prédios dessa região da cidade, desde a fundação até a entrega das chaves aos condôminos”, lembra. Atualmente, ela comanda a conclusão de um edifício de 25 andares na zona 7, que será entregue em maio. “O prédio é moderno e sustentável, tem sistemas de automação e aquecimento solar”, destaca.

A Avenida Advogado Horácio Raccanello Filho foi construída no lugar da antiga estação ferroviária maringaense e dos trilhos que cortavam a cidade – antes do rebaixamento. Na época, a Engenheira Civil Inako Kubota, do setor de Urbanismo e Uso e Ocupação do Solo da prefeitura, aprovou várias construções de edificações e certidões de estudo de impacto ambiental. “Muitos projetos de edificações têm a minha assinatura no alvará de execução aprovados nas décadas de 1980 e 1990. Mas alguns profissionais de Engenharia não gostavam do rigor da minha análise dos projetos”, brinca. Aposentada desde abril de 2010, hoje Inako viaja o mundo afora, após deixar sua marca no progresso e desenvolvimento da cidade de Maringá.

Há mais de duas décadas a Engenheira Civil Elaine Aparecida Merenda (especialista em Orçamento, Planejamento e Gerenciamento de Obras), contribui com a construção civil maringaense. Entre as obras recentes está o gerenciamento da revitalização do Shopping Cidade e o orçamento para construção da nova sede do Sicredi Maringá. Neste último, ela fez toda a precificação para que a obra pudesse ser licitada. A empresa de Elaine presta serviços para prefeituras, construtoras, hospitais e outros estabelecimentos, mas cada projeto é tratado com a mesma importência. “Projetos complexos são mais desafiadores e nos leva a aprender mais. Já projetos que possibilitam melhorias à população, como no caso do Shopping Cidade e do Sicredi, nos dão muito orgulho em participar.”

A Engenheira Civil Danielle Nardino estava há três anos no mercado quando soube da construção do Contorno Norte, na BR-376, em Maringá. O projeto chamou a atenção porque era o sonho dela trabalhar em obras grandes e pesadas, como rodovias, viadutos e pontes. Ela enviou currículo para a Construtora Sanches Tripoloni e foi contratada. O trabalho iniciou pelo laboratório e logo Danielle estava no setor industrial da empresa. “Em 2010 eu assumi a administração da obra e fiquei até a inauguração do Contorno Norte, em janeiro de 2014. Foram executados 16 km de pista dupla, 12 viadutos, três pontes e quase 60 mil m² de muro de contenção”, explica. Na terça-feira (5), a Engenheira completou dez anos na construtora. “Sou muito feliz e grata pela oportunidade que me deram, pois acreditaram no meu trabalho”, conclui.

8 de março

No Dia Internacional da Mulher, celebrado nessa sexta-feira (8), é importante se lembrar da Engenheira Civil Enedina Alves Marques, a 1ª mulher negra a se formar em Engenharia no Brasil e a 1ª Engenheira do sul do país. A paranaense se formou em 1945, na Faculdade de Engenharia da Universidade do Paraná. Ela ocupou um cargo importante no Departamento Estadual de Águas e Energia Elétrica e, lá, respondeu pela construção da Usina Capivari-Cachoeira. Era uma mulher cheia de energia, rigorosa e com postura firme. Quando queria impor respeito atirava para o alto. É que naquela época o canteiro de obras só tinha homens. O nome de Enedina está no Livro do Sistema Confea/Crea.

Crea-PR

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Paraná (Crea-PR), criado no ano de 1934, é uma autarquia responsável pela regulamentação e fiscalização dos profissionais e empresas das áreas das engenharias, agronomias e geociências. Além de regulamentar e fiscalizar, o Crea-PR também promove ações de atualização profissional, primando sempre pela qualidade na prestação dos serviços prestados.

Compartilhe:



Comentários | Comente pelo Facebook:



Deixe uma resposta


Destaques Regionais
sicredi-woccu-2
Sicredi é Premiado em Conferência Internacional
Instituição financeira cooperativa é reconhecida como uma das três maiores em crescimento em âmbito internacional....
A-Diretoria
Assista ao Curta Metragem A Diretoria
O que passa na cabeça do homem quando ele é confrontado com a Verdade? O que o Sr. Mente, Sr. Emoção, Sr. Consciência, Sr. Memória, Sr. Coração, e Sr. V...
2016.11.23-futebol
Coluna de Esportes com Carlos Rodrigues
Confira na Coluna de Esportes o Toque de Bola com o Colunista Carlos Rodrigues. Veja a tabela completa de artilheiros da La Liga de Altônia....

Atraso nas Obras do Lago Aratimbó
O prefeito Moacir Silva determinou a instauração de processo administrativo com base na Lei 8.666/1993, a fim de apurar inexecução do contrato para a revita...



Conteúdos Relacionados


Classificados
Sicoob Disponibiliza Prorrogação de Dívidas
O Sicoob Arenito iniciou a prorrogação das parcelas referentes as dívidas de micro e pequenas empresas. Estas parcelas serão migradas para o final do cronograma de pagamentos.
Prevenção ao Coronavirus no Bom Preço Max
Confira as Ofertas da Semana da Prevenção ao Coronavirus no Supermercado Bom Preço Max, válidas até 21 de Março de 2020 na lojas de Altônia e Iporã.
Vagas de Emprego em Altônia
A Agência do Trabalhador de Altônia em parceria com empresários oferecem diversas vagas em 03/03/2020 na cidade de Altônia. Confira!
DoubleNet: Mais Velocidade Para Você
Agora os clientes da DoubleNet tem até quatro vezes mais velocidade. Quem tinha 25 MB agora tem 100 MB. Quem tinha 100 MB agora tem 400 MB.
  • Voltar
  • Avancar