Siga-nos
  • Facebook
  • G+
  • Twitter
  • Orkut
Sicredi-Marilucia-Dalfert-Id

Plano Safra Traz Novidades para Crédito

Postado Por: Nelson Lima em 18 de agosto de 2017.


Plano Safra Traz Novidades para Quem Deseja Solicitar Crédito

Por Marilucia Dalfert*

O governo federal lançou, no início de junho, o Plano Safra 2017/2018, no qual serão disponibilizados R$ 188,3 bilhões em crédito rural. Para atender as necessidades dos seus mais de 600 mil associados ligados à agricultura familiar ou empresarial, o Sicredi disponibiliza linhas de crédito para custeio, comercialização e investimento.

Sicredi - Marilucia Dalfert - Id

Marilucia Dalfert é gerente de Crédito Rural do Banco Cooperativo Sicredi

Porém, antes de solicitar o recurso, é fundamental que o produtor já tenha se organizado para o processo transcorrer de maneira mais ágil e simples. Em primeiro lugar, uma dica muito importante para o associado que pretende solicitar o crédito rural é fazer o planejamento do que vai plantar, qual é a área de cultivo e o orçamento necessário, com base na análise de solo e sob orientação técnica profissional sobre o uso dos insumos e os demais serviços que serão utilizados.

Para este ciclo, existem algumas novidades que devem ser levadas em consideração, entre elas a revogação – a partir de janeiro de 2018 – da possibilidade de financiar insumos adquiridos até 180 dias antes da formalização do custeio. Assim, é necessário que antes de realizar a compra dos itens que compõe o orçamento para a implantação do seu empreendimento, no ano que vem, os associados já procurem a agência do Sicredi para encaminhar a solicitação do custeio.

Em relação às taxas de juros neste ano-safra, houve queda. Na agricultura empresarial, a redução foi de 1 ponto percentual. Já no Pronamp (linha destinada ao médio produtor rural para o financiamento das despesas de produção na sua atividade), a taxa caiu de 8,5% para 7,5% e, para os demais produtores, de 9,5% para 8,5%. Na agricultura familiar, atendida pelo Pronaf, não houve alteração nas taxas.

Também ocorreram mudanças importantes em relação ao direcionamento de recursos que obrigatoriamente as instituições financeiras precisam destinar para o crédito rural. Agora, a fatia desse montante que é destinada ao Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) subiu de 10% para 20% enquanto que a elevação no Pronamp foi de 13% para 15%. Isso demonstra o movimento realizado pelo governo federal para concentrar o atendimento destes públicos com recursos oriundos da exigibilidade bancária e reduzir a necessidade de equalização de recursos, o que, por consequência, reduz o custo para os cofres públicos.

O Sicredi, instituição financeira cooperativa com mais de 3,5 milhões de associados e atuação em 21 estados brasileiros, prevê um aumento de 20% em relação ao volume de recursos disponibilizados no Plano Safra 2016/2017. Disponibilizaremos mais de R$ 14,8 bilhões em crédito rural, projetando atingir mais de 195 mil operações, sendo aproximadamente R$ 13,2 bilhões para as operações de custeio, comercialização e investimento, e R$ 1,7 bilhão em operações de investimento com recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Entre os principais fatores para este crescimento está o constante trabalho de captação de poupança rural que as cooperativas de crédito que formam o Sicredi têm realizado. É a partir da captação em poupança rural que acontece a disponibilização de recursos para o crédito rural. É este trabalho de “ciclo virtuoso” que tem viabilizado, nos últimos dois anos-safra, o atendimento de mais de 50% das demandas de crédito rural dos associados com esta fonte de recurso. Outro fator relevante é o aumento dos volumes das portarias de equalização negociados com o governo.

Conhecendo as novidades do Plano Safra 2017/2018 e tendo realizado o planejamento técnico da produção, é hora de o associado procurar sua cooperativa de crédito filiada ao Sicredi para conversar sobre as suas necessidades. Com isso, antes de dar andamento à proposta e demais procedimentos para aprovação e liberação do crédito, ele vai receber todas as orientações sobre quais produtos e serviços podem auxiliá-lo a atingir seus objetivos, sempre de forma responsável e sustentável.  O planejamento e a consultoria adequada são fundamentais para que não aconteçam surpresas desagradáveis ao longo do ano-safra e o resultado planejado seja atingido.  

Compartilhe:



Comentários | Comente pelo Facebook:



Deixe uma resposta


Destaques Regionais

Sicredi mais uma vez na Copa do Brasil
Pelo 5º ano consecutivo, marca da instituição financeira cooperativa está na comunicação visual dos estádios e arenas da competição, em painéis estát...

Formação de Pessoas pela Prefeitura
A Prefeitura de Umuarama em parceria com o Clube de Mães criou uma iniciativa que auxilia as famílias de três bairros da cidade a obterem uma renda extra....

Umuarama entre as Melhores Cidades do Paraná
Umuarama manteve a evolução medida pelo IFDM, que acompanha anualmente o crescimento socioeconômico dos mais de 5,5 mil municípios brasileiros....
SM-Bom-Preço-Max-Destaque-da-Premiação-Id
Equipe Bom Preço Max Festeja Premiação
Após receber o Prêmio de Supermercado do Ano em Iporã pela Associação Comercial e Empresarial, o Bom Preço Max receberá nesta quinta-feira, 1º de Junho,...



Conteúdos Relacionados

Classificados
Quarta Maluca do Supermercado Luiz
Confira as Ofertas da Quarta Maluca do Supermercado Luiz, válidas para 20 de Março de 2019.
Muito Mais por Menos no Mendes
Confira as Ofertas Muito Mais por Menos no Supermercado Mendes em Pérola, validas até 20 de maio de 2019.
Vagas de Emprego em Altônia
A Agência do Trabalhador de Altônia em parceria com empresários oferecem diversas vagas em 19/03/2019 na cidade de Altônia. Confira!
Ofertas Semanais do Bom Preço Max
É tempo de Refletir. Confira as Ofertas Semanais do Supermercado Bom Preço Max, validas até 16 de Março de 2019 nas lojas de Altônia e Iporã.
  • Voltar
  • Avancar