Siga-nos
  • Facebook
  • G+
  • Twitter
  • Orkut
Sustentabilidade-e-Saúde

Sustentabilidade e Saúde

Postado Por: Claudio Palozi em 22 de julho de 2012.


 Sustentabilidade e Saúde

O desenvolvimento sustentável requer que as sociedades atendam as necessidades humanas tanto pelo aumento do potencial produtivo como pela garantia de oportunidades iguais para todos e cabe aos governos, se atentarem a esses comportamentos. Num universo onde a pobreza e a desigualdade são endêmicas estará sempre propenso a crises ecológicas, econômicas, recessão, etc.

Sem dúvida, a saúde é pré-requisito para se obter resultados positivos que refletem nos indicativos dos três pilares do desenvolvimento sustentável, elementos essenciais na erradicação da pobreza, fatores determinantes, como: condições sociais, econômicas e ambientais. Todavia, é imprescindível que os governantes priorizem esse tipo de desenvolvimento para melhorar os indicativos, aumentando à consciência acerca dos impactos que as decisões políticas podem causar nos resultados em saúde.

Na Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento sustentável (Rio+20), foram debatidos vários temas: alimentos, energia, água, emprego, cidades, oceanos, turismo, transportes, mudanças climáticas, erradicação da pobreza, florestas, produtos químicos, saúde, consumo e produção sustentável. O tema saúde mereceu um tratamento muito tímido, considerando a grande relevância desse seguimento para a humanidade, pois a saúde é o indicador mais sensível aos efeitos negativos demonstrado nesse desenvolvimento perverso que provoca a degradação ambiental em nosso planeta.

O Governo brasileiro também não demonstrou motivação para que o tema saúde fosse destacado, mesmo porque, em sua política interna também não prioriza investimentos financeiros suficientes para corresponder com as necessidades do setor. Basta lembrar, que a Emenda Constitucional 29 foi aprovada no ano 2.000, obrigando aos Estados e Municípios investir imediatamente, 12% e 15% das suas respectivas receitas em saúde. E somente em dezembro de 2.011, que a regulamentação desse dispositivo constitucional foi regulamentada pelo Governo Federal. Com 11 anos de espera à tão sonhada reforma sanitária brasileira, veio desobrigando o Governo da União de investir pelo menos 10% da sua receita em saúde pública.

Não há como dissociar desenvolvimento sustentável do sistema de seguridade em saúde. Nosso país é recordista mundial de venenos agrícolas, associado à alta difusão dos produtos e a globalização que exige um novo modelo para a agricultura, mas não prioriza qualidade sanitária para os alimentos.

É preciso deixar claro, qual o futuro que queremos e merecemos. Meio Ambiente levado a sério, significa estabelecer medidas destinadas a impedir que a imensa maioria de populações pobres pague pela degradação dos recursos ambientais provocada pelos detentores da riqueza, porque “sem saúde não haverá sustentabilidade”.



Compartilhe:



Comentários | Comente pelo Facebook:



Deixe uma resposta


Destaques Regionais
Iporã-Inauguração-da-Escola-Destaque-Id01
Escola Professora Geni Giordana em Iporã
A Prefeitura Municipal de Iporã inaugurou a nova instituição de ensino público do município, a Escola Professora Geni Aparecida Giordano....

Papai Noel Chega aos Distritos de Umuarama
O clima natalino já tomou conta dos distritos umuaramenses. O Papai Noel fez sua primeira aparição do ano nesta terça-feira (08), em Roberto Silveira....
Qualidade-Total-2017-Alegria-Id
Alegria em Noite de Gala em Altônia
A Alegria foi a marca da Noite de Gala no Clube SERA em Altônia na entrega do Prêmio Qualidade Total concedido pela Impacto Pesquisas. Confira detalhes, fotos...
Times-em-Destaque-3-Equipe-do-Sofá-SA-ID
Coluna Esportes: Classificação Copa Foster
Confira na Coluna Esportes de Carlos Rodrigues a Classificação da Copa Foster e resultados e agenda de outras competições de futebol regional....



Conteúdos Relacionados
Exército e Prefeitura realizarão ação social no Centro da Juventude Em parceria com a Prefeitura, militares do 30º Batalhão de Infantaria Mecanizado de Apucarana que desenvolvem a Operação Á...


Classificados
Alice é a Assistente Virtual do Sicoob
Durante o período da quarentena, o uso dos canais digitais do Sicoob cresceu 37% em quantidade de transações. A Alice é a Assistente Virtual foi lançada neste período.
Sicoob: Sucesso Crédito a Pequenos Negócios
Segundo o Sebrae o Sicoob alcança o maior índice de sucesso na concessão de crédito a pequenos negócios. Pesquisa foi realizada entre o fim de abril e o início de maio.
Sicoob Disponibiliza Prorrogação de Dívidas
O Sicoob Arenito iniciou a prorrogação das parcelas referentes as dívidas de micro e pequenas empresas. Estas parcelas serão migradas para o final do cronograma de pagamentos.
Prevenção ao Coronavirus no Bom Preço Max
Confira as Ofertas da Semana da Prevenção ao Coronavirus no Supermercado Bom Preço Max, válidas até 21 de Março de 2020 na lojas de Altônia e Iporã.
  • Voltar
  • Avancar